O tempo Vida !

O tempo Vida !
Não se troca um amor velho por um amor novo.Banners original do blog

sábado, 6 de março de 2010

Caracteristicas das Aves


* Têm o corpo coberto por penas, que protegem o corpo da perda de calor e auxiliam o vôo.

* A boca é um bico, sem dentes que pode variar de forma e de tamanho conforme a espécie, sendo estas adaptações ao tipo de alimentação.

* Têm dois pares de membros: anteriores as asas e posteriores as pernas ou patas. As patas também são adaptadas ao tipo de ambiente em que vive a ave. Cada pé geralmente com quatro dedos, canela e dedos envolvidos por pele cornificada.

* O seu esqueleto é delicado e forte, totalmente ossificado, têm ossos muito leves e, às vezes, são cheios de ar, ossos pneumáticos, que facilitam o vôo. O esterno é modificado em quilha, facilitando o corte do ar e fixando a musculatura peitoral.

* Respiração por pulmões compactos muito eficientes, presos às costelas e ligados aos sacos aéreos de paredes finas que se estendem entre os órgãos internos, apresentam um órgão especial a siringe, na base da traquéia, adaptada ao canto.

* O sistema circulatório é composto de coração e vasos sanguíneos. O coração tem quatro cavidades no coração, o sangue venoso não se mistura ao sangue arterial. Persiste apenas o arco aórtico direito, glóbulos vermelhos, ovais e biconvexos.

* O seu tubo digestivo é completo, composto: boca, faringe, esôfago, papo, estômago químico (proventrículo), estômago mecânico (moela), intestino, cloaca e órgãos anexos como o fígado e o pâncreas. Existe ainda a adição de sucos digestivos no proventrículo.

* As aves não têm bexiga urinária, mas seu sistema urinário é composto pelos rins e ureteres, por este motivo elas não conseguem acumular a urina, que se mistura com as fezes e é eliminada pela cloaca, como uma secreção semi-sólida.

* Apresentam dimorfismo sexual, isto é, o macho e a fêmea são muito diferentes.Têm sexos separados e são ovíparas. A sua fecundação é interna e ocorre no oviduto, antes da formação da casca calcária, são então eliminados pela cloaca. Seus ovos apresentam âmnio, cório, saco vitelino e alantóide e ao eclodir os filhotes são alimentados e vigiados pelos pais.

* As aves têm a audição e a visão muito desenvolvidas. A visão é muito aguçada e conseguem visualizar objetos a longa distância, seus ouvidos são melhores que os dos répteis. Algumas ainda apresentam um bom olfato.

* São homeotermas, isto é têm sangue quente, que se mantém com a queima dos alimentos e com auxílio das penas, que servem como isolante térmico. São chamadas de endotérmicas, pois a temperatura do corpo essencialmente é constante.

* A sua pele é recoberta por penas e com glândulas, as aves aquáticas apresentam na cauda a glândula uropigiana para impermeabilizar as penas.

* O cerebelo é bastante desenvolvido, pois este órgão está relacionado ao equilíbrio durante o vôo. São capazes de voar longas distâncias e retornar ao ponto de partida. Apresentam doze pares de nervos cranianos.

* O movimento das asas durante o vôo é devido principalmente aos grandes músculos peitorais. Em cada lado do grande peitoral origina-se da parte externa da quilha do osso esterno e insere-se na cabeça do úmero.

Fonte da pesquisa
Imagem do google
http://asaves.blogspot.com/

Harpia nasce em Cativeiro


A ave é considerada quase extinta no Paraná e é rara no Brasil, segundo o Instituto Ambiental do Paraná (IAP). , segundo o Instituto Ambiental do Paraná (IAP). Os dois filhotes estão sendo tratados em um ambiente especial e controlado. Eles são alimentados cinco vezes por dia, em um intervalo de 4 horas entre uma refeição e outra, para ganhar peso.

O Refugio Biológico de Itaipu trabalha com um programa de reprodução da espécie para, no futuro, reintroduzir os animais à natureza.

De acordo com os biólogos de Itaipu, uma ave adulta mede entre 50 e 90 centímetros de altura e tem envergadura de 2 metros. Machos têm entre 4 e 4,5 quilos, enquanto as fêmeas, entre 6 e 9 quilos.

Texto e imagem do google

quinta-feira, 4 de março de 2010

Aves em Extinção.


Uma de cada oito aves do mundo está ameaçada de extinção devido ao aquecimento global, afirmaram os estudiosos da União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN).

As populações de aves raras como o rouxinol floreana, das ilhas Galápagos, ou o maçarico de bico de colher, que se reproduz no norte da Rússia e passa os invernos no sul da Ásia, diminuíram acentuadamente e esses animais podem extinguir-se, afirmou em um relatório a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN).

O documento "Lista Vermelha das Aves", de 2008, publicado no primeiro dia de uma conferência da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre a biodiversidade que ocorre entre os dias 19 e 30 de maio, em Bonn (Alemanha), disse que 1.226 espécies de ave encontram-se ameaçadas.


O relatório anual, que possui grande respaldo entre os ambientalistas, acrescentou oito das 10 mil espécies de aves do mundo à categoria de criticamente ameaçada, o maior grau de risco.


"A versão mais recente da Lista Vermelha da IUCN mostra que as aves enfrentam uma pressão enorme devido às mudanças climáticas," disse Jane Smart, chefe do Programa de Espécies da IUCN. A entidade reúne governos, grupos ambientalistas e cientistas.


Períodos prolongados de seca e alterações climáticas bruscas fragilizam cada vez mais habitats dos quais as aves dependem, afirmou o documento, observando que os casos de extinção estão ocorrendo em áreas continentais, e não em ilhas, onde esse tipo de fenômeno costumava ser mais comum.


Entre as espécies incluídas na lista de aves ameaçadas estão o maçarico da Eurásia e a felosa de Dartford, que vivem na Europa e no noroeste da África.


O Painel Internacional sobre as Mudanças Climáticas (IPCC), um órgão ligado à ONU, disse que a queima de combustíveis fósseis vem alimentando o aquecimento global.

O relatório da IUCN afirmou que o Brasil e a Indonésia possuem os maiores números de espécies ameaçadas, com 141 e 133 respectivamente.


O grupo citou várias outras espécies cuja população diminui rapidamente. Entre essas está o maluro de Mallee. O habitat dessa ave tornou-se tão fragmentado que um único incêndio florestal pode ter consequências catastróficas, afirmou o relatório.


Nas ilhas Galápagos, a população do rouxinol floreana caiu para menos de 60 indivíduos --em 1996, estimava-se que essa cifra fosse de 150. E hoje o animal consta da lista dos criticamente ameaçados porque é extremamente vulnerável a fenômenos meteorológicos extremos.


O documento citou também algumas espécies cuja situação melhorou devido a esforços de conservação, entre as quais o pombo imperial marquesano e o kiwi pintado.


Cerca de 4.000 delegados participam da Convenção sobre a Biodiversidade, onde pretendem discutir formas de garantir a sobrevivência de uma série de espécies e de tentar diminuir a velocidade de extinção de várias plantas e animais.

(Fonte: Estadão Online)
Imagem do google

terça-feira, 2 de março de 2010

Araras


Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Psittaciformes
Família: Psittacidae


Um vozerio desagradável

Um bando de araras voando é um magnífico espetáculo de se ver, mas muito ruim de se ouvir. A arara grita alto, muito alto, e sua voz não é nada afinada. Menos dotada que seus parentes, os papagaios, a arara só é capaz de aprender algumas palavras isoladas. Desde o século XVI as araras são muito procuradas como bichos de estimação e, antigamente, possuir uma arara era sinal de grande riqueza.




As araras maiores e mais coloridas são encontradas nas florestas tropicais das Américas. São freqüentemente caçadas e mantidas em cativeiro. Existem 18 espécies de arara, todas com bico forte, língua carnosa e cauda longa em forma de espada. As araras alimentam-se principalmente de sementes, castanhas, frutos e insetos. O bico forte permite que elas escavem o tronco das árvores para comer larvas de insetos.
As araras, em geral, fazem seus ninhos no oco de árvores como palmeiras. Os ovos são postos na primavera e os adultos alimentam os filhotes regurgitando a comida. Com seis meses de idade as araras já são bichos adultos.











Fonte da Pesquisa
Imagem do google
www.achetudoeregiao.com.br

domingo, 28 de fevereiro de 2010

Só temos que agradecer!



Agradeço aos visitantes que por aqui passaram.è um prazer saber que tivemos estas visitas.Voltem Sempre abraços ornitólogicos.

Araras Azuis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...